Priorize as proteínas magras e os vegetais sem amido na hora de comer. Preencha ½ do prato com vegetais sem amigo, ¼ com proteínas magras e ¼ com cereais integrais ou vegetais com amido. Além disso, incorpore gorduras saudáveis, como azeite de oliva, abacate e alguns peixes à dieta. Na hora de lanchar, coma frutas, nozes, sementes e vegetais cortados.[4]
No shape, as mudanças surgem ainda antes: dá para avançar um furo do cinto já no terceiro ou quarto dia. Para garantir esses resultados, capriche nos exercícios. “É fundamental associar o consumo extra de proteína a um treino de força, como musculação ou pilates.” Se faltar na academia, você não só corre o risco de ganhar peso como sobrecarregar o organismo e prejudicar o funcionamento dos rins e do fígado. “Em excesso, qualquer nutriente engorda – até mesmo a proteína.
Uma regra muito importante: Coloque sua escala de distância para a semana.Está certo. Eu não quero que você se pesar durante os sete dias inteiros da dieta. A razão para isso é se concentrar em quanto melhor você se sente, em vez de no número de quilos você perde. No dia sete você pode puxar para fora sua escala e etapa a bordo para ver quantas libras vieram fora. 

Você prefere não consumir o suplemento? Isso não invalida a dieta. Ele é apenas uma sugestão prática para garantir uma boa fonte de proteína e, dependendo da marca, livre de gordura e carboidrato. Mas existem outros alimentos na tabela que cumprem essa função. Um filé de peixe grelhado, por exemplo, oferece os mesmos 30 gramas de proteína que uma dose do suplemento.
×