Adote a dieta do mediterrâneo se você gosta de peixe e vegetais. A dieta do mediterrâneo é uma das várias alternativas que ajudam a perder peso. Ela é baseada em ingredientes e estilos de preparo que são tradicionais nas regiões do Mar Mediterrâneo e, de acordo com pesquisas, quem a segue fica menos suscetível a cardiopatias, além de perder alguns quilos em pouco tempo. Para começar, corte o pão, os laticínios e os alimentos processados e comece a ingerir as seguintes opções:[11]
Adote a dieta paleolítica para evitar alimentos processados. Na Pré-História, quando os homens da caverna eram o estágio máximo de evolução humana, não havia tecnologias (ou até alguns ingredientes) para fazer cupcakes, batatas chips e outros produtos que são tão comuns hoje. Nesse sentido, a dieta paleolítica recria alguns hábitos alimentares da época — sob a premissa de que o organismo do homem não está acostumado mesmo à culinária moderna. Ao adotá-la, você pode comer carnes, vegetais, frutas e outros alimentos que já existiam, mas evite tudo o que foi "inventado" depois.[12]
É na gordura que as toxinas se concentram, por isso é muito importante garantir uma boa hidratação e assim facilitar a eliminação delas pelo intestino e pela urina, pois quando há uma grande queima de gordura localizada, há também uma grande liberação de toxinas pelo corpo, que devem ser eliminadas para não provocar inchaço e levar ao envelhecimento precoce.
Para ser seguido durante um longo período, o plano alimentar tem de ser personalizado e adequado aos gostos e preferências de cada um, sem restringir demasiado a energia. Por exemplo, uma mulher de estatura média que pratique pouca atividade física não deve ingerir menos de 1200 quilocalorias (kcal) por dia. Um homem nas mesmas circunstâncias deverá ingerir, no mínimo, 1500 kcal por dia. Caso sofra de alguma patologia, como obesidade ou diabetes, é imprescindível consultar o médico antes de iniciar qualquer dieta de emagrecimento.
Participe de programas intensivos de perda de peso. Nem todo mundo consegue se ater a estratégias como praticar exercícios e adotar dietas específicas. Alguns hábitos e rotinas acabam levando a pessoa de volta ao que era antes. Para evitar que isso aconteça, muita gente entra em programas de perda de peso que são mais intensivos. Cada um tem um estilo e um público diferentes (jovens, adultos ou idosos).[24]
Esta guía no solo mejorara tu aspecto físico y emocional, también tendrá una gran influencia en tu salud, ya que la guía te ayudara a que todos tus órganos digestivos funcionen de la mejor forma posible, pero tu estomago no será el único agradecido, al mejorar los órganos digestivos y todo lo que eso significa, también estarás ayudando a tu corazón y cerebro a funcionar mejor también. 

Adote a dieta paleolítica para evitar alimentos processados. Na Pré-História, quando os homens da caverna eram o estágio máximo de evolução humana, não havia tecnologias (ou até alguns ingredientes) para fazer cupcakes, batatas chips e outros produtos que são tão comuns hoje. Nesse sentido, a dieta paleolítica recria alguns hábitos alimentares da época — sob a premissa de que o organismo do homem não está acostumado mesmo à culinária moderna. Ao adotá-la, você pode comer carnes, vegetais, frutas e outros alimentos que já existiam, mas evite tudo o que foi "inventado" depois.[12]
English: Lose Weight Fast, Français: perdre rapidement du poids, Deutsch: Schnell abnehmen, Español: bajar de peso rápidamente, Русский: быстро похудеть, 中文: 快速减肥, Nederlands: Snel afvallen, Čeština: Jak rychle zhubnout, 日本語: すぐに体重を落とす, Bahasa Indonesia: Cepat Menurunkan Berat Badan, Italiano: Perdere Peso Velocemente, हिन्दी: तेजी से वजन घटाएं, العربية: إنقاص وزنك سريعًا, 한국어: 빨리 체중감량하는 방법, Tiếng Việt: Giảm cân Nhanh, ไทย: ลดน้ำหนักให้ได้ผลเร็ว, Türkçe: Nasıl Hızlı Kilo Verilir
Nem toda dieta é feita de salada e mais salada. Para a nutricionista e personal trainer Zana Morris, a gordura também pode ser uma aliada e tanto para a perda de peso. Por mais de 12 anos, ela acompanhou pessoas que eliminaram em média 3 kg (chegando a perder até 5 kg) e 5 cm de cintura em duas semanas. Em seu novo livro, chamado "The High Fat Diet" (dieta da gordura, em tradução livre) ela explica como seguir essa dieta para emagrecer rápido. Veja a seguir.
×